quinta-feira, 5 de julho de 2018

O Bistrot de Paris, do chef Alain Poletto, está com o menu recheado de novidades para esta temporada de dias mais amenos. Vale a pena colocar na lista dos favoritos!

Defensor da verdadeira culinária francesa e do estilo bistronomie, o chef Alain Poletto inclui no seu cardápio pratos que caem bem para os dias menos quentes do ano. Já na seção das entradas, a novidade é a Salada ‘sud ouest’ – que leva confit de canard, foie gras e magret defumado (R$ 56). “É uma salada que vale por um prato e tem a mistura do quente e do frio. Sud ouest é uma região de onde vem os patos usam para o foie gras”, explica o chef.   


Já nos pratos principais, voltaram o Bœuf Bourguignon – clássico braseado ao vinho tinto, purê de batata (R$ 64), a Rabada de Black Angus, gremolata e gnocchi de semolina (R$ 68) que é receita do pai de Alain e o Cassoulet – versão francesa da feijoada (R$ 76). Já a grande novidade do cardápio e que exprime a alma do novo menu é o Ragu de Cordeiro provençal e polenta cremosa (R$ 68). Na seção dos peixes, o novo fica por conta da Pescada Amarela ao leite de coco e azeite de dendê e arroz de coco (R$ 74) e os Mexilhões ao Creme de curry e batatas fritas (R$ 66). “Esses mexilhões com curry estão mais próximo ao paladar do brasileiro, já que oferece um tempero mais firme e acentuado”, explica Alain.  
Costelinha de Porco (R$ 64), que era servida anteriormente com purê de maçã, agora, para o inverno, é acompanhada com polenta de Savoie e bacon caseiro, tal qual como e feito na região de Haute Savoie onde nasceu e cresceu o chef.  
Para se aproximar ainda mais com verdadeiro estilo de bistrô francês, além das opções do menu, há pratos que ficam na lousa e que se refere a pratos que não são apenas sugestão do chef, mas são feitos com produtos sazonais, receitas do dia e mediante a disponibilidade. Dentre elas está o Escalope de Foie Gras (R$ 92), os Moules Farcies (R$ 38), a Terrine de Rabada (R$ 42), entre outros.  
O grande destaque do menu fica por conta do Tartiflette du Savoyard (R$ 58), prato bastante típico dos Alpes franceses que leva queijo Reblochon derretido e gratinado, batatas cozidas, cebola e bacon caseiro, feito no próprio Bistrô de Paris. “O queijo Reblochon é de Haute Savoie, e combina muito bem com a batata e um defumado caseiro, no caso o bacon. O tarfilette reune os três ingredientes da região: batata, queijo e defumado”, explica Alain.  
Para completar o menu de inverno, não fica de fora a Fondue au fromage originale arrosée au Kirsch(tradicional fondue suave dos queijos Appenzeller, Emmenthal, Gruyere, vinho branco e Kirsch - R$ 76), a Fondue au fromage et planche de charcuteries (Fondue de queijo acompanhada de tábua de frios selecionados – R$ 92) e a Fondue au chocolate, fruits de saison et madeleines (Fondue de chocolate meio amargo com frutas da estação e madeleines - R$ 42). E também a Raclette traditionnelle (Tradicional queijo raclette derretido acompanhado de batatas cozidas, tábua de frios selecionados: viande des grisons, presunto cru, lombo defumado e calabresa apimentada, cornichons, mini cebola e baguete - R$ 89), servida em uma máquina trazida diretamente da França e exclusiva para o Bistrot de Paris, permitindo assim uma experiência única para os comensais. 
Sobre Alain Poletto
O chefe consultor em gastronomia Alain Poletto cresceu no hotel-restaurante de sua família na cidade de Thonon-les–Bains. Foi professor titular de gastronomia na Escola Hoteleira da cidade, uma das mais conceituadas da França, durante 21 anos. Em 1989 lançou a tese “La cuisson sous vide”, tornando-se referência mundial nesse tipo de cocção. Em São Paulo desde 2002, foi sócio de restaurantes como Paola di Verona (2002 a 2007) e é sócio do Dalva e Dito. De 2009 a 2013 foi o chef consultor especialista do grupo Pão de Açúcar. 
Sobre o Bistrot de Paris: 
Na Villa San Pietro, escondida no meio da agitação dos Jardins, o Bistrot de Paris foi repensado em todos os detalhes para se tornar um autêntico bistrot francês. O sócio-chef Alain Poletto, assina o cardápio de clássicos incontornáveis da cozinha francesa. Pratos como entrecôte au poivre, magret de pato aux fruits rouges, cassoulet, steak tartare e crevettes à la provençale, entre outros. A filosofia do restaurante é de muito rigor nos bastidores: a origem e a sazonalidade dos produtos, a seleção das receitas seguindo as técnicas clássicas, o serviço atencioso e a completa carta de vinhos (com mais de cem rótulos, forte representatividade francesa e excelentes opções em taça).  
Endereço: Rua Augusta, 2542 - Jardim Paulista - São Paulo - SP
Telefone: (11) 3063 1675 / www.bistrotdeparis.com.br

segunda-feira, 2 de julho de 2018

Ana Luiza Trajano transformou o Brasil a Gosto em Instituto. Sediado na FMU, o IBAG está de cara e proposta nova. Tem cursos, tem site novo com muito conteúdo, tem canal no Youtube e tem linha de produtos em parceria com o Pão de Açúcar


O Instituto Brasil a Gosto está de cara, casa e proposta novas


Entidade presidida pela chef Ana Luiza Trajano anuncia uma série de novidades: site, websérie de receitas, cursos, parceria com a FMU e com o Pão de Açúcar


O Instituto Brasil a gosto, dedicado a pesquisas e resgates das tradições gastronômicas nacionais, apresenta novidades e seus planos para 2018.

Sala de aula

No início do ano, Ana Luiza Trajano deu assistência para a concepção da primeira pós em gastronomia da FMU, parceira do Instituto desde o fim do ano passado. Lançado em março, o curso é dividido por ingredientes e não biomas, e tem a chef como professora convidada dos módulos da mandioca e do milho.  

Dando sequência ao desafio de propagar o conhecimento sobre cozinha brasileira, agora em maio começam os primeiros cursos livres no Instituto Brasil a Gosto. Com um ou mais módulos, comprados pela plataforma da FoodPass, eles serão oferecidos na sede do Instituto, na Liberdade. O primeiro terá como tema os Queijos Brasileiros e será ministrado pelo Mestre Queijeiro Bruno Cabral. Acontece nos dias 2, 7 e 10 de maio, quando os alunos poderão fazer uma degustação de queijos acompanhados por vários tipos de mel de abelhas nativas, apresentados por Eugênio Basile, da MBee. Outros cursos já programados são: Pães de Fermentação Natural, com Luiz Américo Camargo;  Kombucha, Refrigerantes Naturais e Conservas, com a Companhia dos Fermentados; e Bebidas Brasileiras (cachaças, cervejas, vinhos, drinques e garrafadas).

Brasilagosto.org
Um dos pilares do Instituto Brasil a Gosto, fundado pela chef Ana Luiza Trajano há dois anos, é promover e divulgar conhecimento sobre a cozinha brasileira. Para isso, além de livros (Básico - Enciclopédia de Receitas do BrasilMisture a GostoCardápios do Brasil; e Brasil a Gosto), a entidade passa a contar com uma forte plataforma digital.

Entra no ar agora o site brasilagosto.org. Em português e inglês, ele é muito mais do que um canal institucional. Tem uma área para publicação de novidades, divulgação de eventos e cursos, apresentação de pesquisas, compartilhamento de histórias, assim como um banco de dados de receitas e ingredientes nacionais, que será alimentado gradativamente com o material coletado pelos últimos 15 anos de pesquisa da chef.

Pelo site também será possível acompanhar os projetos do Brasil a Gosto, comprar seus produtos, se engajar como voluntário, se inscrever em cursos e fazer doações à instituição – divididas em planos de valores diferentes, partindo do Tira-gosto, de 25 reais.

Junto com ele foi feita a reformulação das redes sociais do Brasil a Gosto, facebook.com/Brasilagosto e Instagram.com/InstitutoBrasilaGosto, alimentadas com notícias, histórias, receitas e imagens da cozinha brasileira.

O Instituto também inaugura seu canal no Youtube. Lá está sendo lançada a primeira série de vídeos passo a passo totalmente voltada a receitas tradicionais da cozinha nacional. Broa de milho, arroz carreteiro, acarajé e bobó de camarão são alguns dos pratos que serão explicados em vídeos curtos, didáticos e dinâmicos.


Juntos somos mais fortes

Este é um dos motes do Instituto, que busca ações em que possa interligar os vários elos da cadeia. Um dos frutos desta preocupação é a linha Caras do Brasil, que leva para as gôndolas de 80 lojas do Pão de Açúcar artigos de pequenos e médios produtores comprometidos com a gestão e a produção sustentável de seus negócios, selecionados a partir de uma curadoria do Brasil a Gosto. “Foram anos de trabalho garimpando esses artesãos da cozinha brasileira, pessoas que merecem destaque, mas que raramente têm a chance de se colocar dentro de uma grande rede de varejo”, diz Ana Luiza. Hoje a linha conta com 20 fornecedores regionais ativos e um portfólio com mais de 70 produtos de diferentes regiões do Brasil, entre farinhas, geleias, mel, castanhas e até artesanato.

Em 2018, o desafio é colocar em ação outro projeto que tem como meta conectar a cadeia gastronômica nacional. Desta vez, o Instituto Brasil a Gosto une-se à Embrapa, em um projeto que começa piloto na unidade do Clima Temperado, em Pelotas, mas que tem intenção de se expandir para as demais regiões.


#pelacozinhabrasileiraPara coordenar tantas iniciativas, um time foi escalado por Ana Luiza: Erika Chou, executiva do mercado financeiro, é quem responde pela direção administrativa; Bel Moherdaui, jornalista com vasta experiência em veículos como ClaudiaVogue e Veja, é a diretora de conteúdo, que tem em seu núcleo Leticia Rocha, jornalista especializada em gastronomia e mestre em Cultura Alimentar. Karina Pereira e Marizete Santos, cozinheiras que acompanham a chef desde o princípio do restaurante Brasil a Gosto, comandam as panelas em feiras e eventos dos quais o Instituto participa. Para complementar, um conselho multidisciplinar com nomes como a chef Roberta Sudbrack, as executivas Chieko Aoki e Sônia Hess, o consultor Charles Piriou, e o empresário Alexandre Canatella (CEO e co-fundador do Cybercook) e  a chef, pesquisadora e ativista Jussara Dutra.

O objetivo é reunir cada vez mais nomes no movimento #pelacozinhabrasileira e levar o patrimônio alimentar cultural do país para mercados, feiras, supermercados e mesas de todos os brasileiros.

Assista ao vídeo-manifesto do Instituto Brasil a Gosto em: youtu.be/GSbcRSxndsI

site: www.brasilagosto.org

Instagram: @institutobrasilagosto

Facebook.com/Brasilagosto

Youtube: Instituto Brasil a Gosto

Sobre o Instituto Brasil a Gosto

O Instituto Brasil a Gosto é um instrumento de difusão da cultura e dos costumes nacionais por meio da gastronomia. Baseia-se em pesquisas teóricas e empíricas por todo o país. Sua missão é fomentar projetos que valorizem os ingredientes nacionais e garantam sua acessibilidade ao público. Por meio do diálogo e da troca de experiências, o Instituto Brasil a Gosto luta para que a autêntica cozinha brasileira, arraigada em técnicas, saberes e produtos, seja uma realidade nos fogões e nas mesas de todas as casas do país.




quinta-feira, 21 de junho de 2018

Chalezinho ITAIM lança fondue de Trufas Negras.

Restaurante Era uma vez um Chalezinho oferece fondue exclusiva neste inverno.

Em todo inverno a casa traz uma fondue diferenciada. Para esse, especialmente no novo restaurante, localizado no Itaim, o Chalezinho criou uma fondue mais do que diferenciada, espetacular: a fondue de Trufas Negras (R$ 300,00). Elaborada com queijo ementhal, gruyére e lascas de trufas negras, possui como acompanhamentos, pães italianos e multigrãos.
Além de deliciosa é restrita por se tratar de um produto fresco de fornecimento limitado. Saber sobre a disponibilidade da fondue é recomendável. A experiência é de encher os olhos, pois além de saborosa, a fondue tem uma apresentação diferenciada, as trufas são servidas em um baú de madeira super especial que agrada até aos clientes mais exigentes.



Trufas Negras
A trufa negra já foi chamada de "Diamante Negro" ou "Pérola Negra", em razão da sua raridade. Nasce sob a terra, a uma profundidade de 20 a 40 centímetros, próximo à raiz de carvalhos e castanheiras, são encontradas ao largo de França, Espanha, e Itália, sua região mais célebre é o Condado de Périgord.
A trufa somente tem valor se as suas características originais forem preservadas. A colheita é feita recorrendo a porcos ou cães adestrados que as podem localizar por meio do olfato. 
É impossível não se entregar a este inusitado sabor.

Unidade Itaim:
O novo espaço, assinado por Taisa Araujo e João Armentano é inspirado nos chalés e casas de montanha da Suíça e da França. A decoração conta com paredes de pedra que se misturam a madeira e ao ferro fundido, tornando o ambiente rústico e ao mesmo tempo cool. Do conceito europeu da casa do Morumbi, o ‘Era uma vez um Chalezinho’ Itaim reproduz uma pequena vila suíça num corredor lateral da casa e conta com  lareira, piano bar, poço dos desejos e adega para 600 garrafas.
Telefone: 11 3078.1881
Capacidade: 158 pessoas (3 ambientes) • 1ª andar (64 lugares) • 2ª andar (70 lugares) • Cozinha Gourmet: 24 lugares  • banheiros sendo 1 para deficientes • Vallet  terceirizado 
Horários:  DOMINGO À QUINTA-FEIRA 18h00até às 00h00  /  SEXTA-FEIRA E SÁBADO 18h00até às 01h00
Cartões: Todos os cartões  / Vallet: R$ 26,00 / Couvert artístico R$ 12,50 por pessoa/ Acesso para deficientes / Ar Condicionado

quarta-feira, 13 de junho de 2018

O multi-premiado grupo de restaurantes latino-americanos COYA inaugurou seu primeiro lançamento europeu fora de Londres, em Mônaco no dia 22 de maio de 2018. Coincidindo com o Gran Prix de Mônaco, o COYA abriu no lado leste da cidade, em cima do Jimmy'z Monte-Carlo (ex- Régine's Club) e o Monte-Carlo Bay Hotel & Resort. O local incorpora um restaurante peruano contemporâneo e um bar vibrante. Em colaboração com o grupo Monte-Carlo Société des Bains de Mer (SBM), COYA Monte-Carlo está revivendo a cena culinária da cidade, proporcionando o melhor para os visitantes internacionais e as estrelas da música, cinema, moda e esporte.

COYA abre seu primeiro restaurante em Mônaco em parceria com grupo Monte-Carlo Société des Bains de Mer





Os clientes hoje são levados em uma viagem latino-americana a partir do momento em que chegam à grande entrada. O amplo terraço, com vistas para o mar e  Riviera Francesa, descortina um destino colorido, com o lúdico Pisco Bar & Lounge COYA e uma experiência de shisha de luxo, onde os hóspedes podem escolher entre um menu de infusões de frutas exóticas. Um estande de DJ ao lado do bar recebe os DJs residentes da COYA durante todo o verão.


O cardápio de pratos mundialmente renomados é supervisionado pelo Chef Sanjay Dwivedi, que combina elementos tradicionais da culinária peruana com técnicas modernas de culinária européia e influências asiáticas para criar pratos naturalmente leves e saudáveis. O COYA Monte-Carlo está aberto atualmente com grande sucesso e  fecha em outubro de 2018 para o período de inverno.






COYA

O principal restaurante COYA foi lançado em Mayfair, Londres, no dia 15 de novembro de 2012. Famosa por sua decoração sob medida, projetada pela equipe de design Sagrada,  COYA conecta a vibrante e contemporânea culinária peruana com uma experiência cultural. Com um fluxo contínuo de entretenimento artístico na música e nas artes o ano todo, a COYA é conhecida por sua culinária criativa e suas dinâmicas experiências gastronômicas. Um segundo local em Londres, o COYA Angel Court, foi inaugurado em maio de 2017 e a expansão no Oriente Médio inclui locais em Dubai e Abu Dhabi.


The Pisco Lounge

O Pisco Lounge no COYA conta com um enorme acervo Pisco para levar os hóspedes a uma viagem descobrindo os sabores da América Latina, bem como uma impressionante coleção de vinhos e bebidas raras e finas. As assinaturas incluem o clássico da América do Sul, The Pisco Sour, com várias infusões disponíveis para melhorar o sabor do paladar desejado do hóspede.


Monte Carlo Société des Bains de Mer 

O Grupo Monte-Carlo Société des Bains de Mer proporciona uma experiência única que combina luxo, bem-estar e gastronomia e oferece aos seus clientes um resort único no mundo: 4 hotéis (Hotel de Paris, o Hotel Hermitage, Monte-Carlo Beach, Monte-Carlo Bay Hotel & Resort), 45 salas para banquetes e de conferências para até 950 pessoas, 33 restaurantes, 4 deles agrupando um total de 6 estrelas no prestigiado Guia Michelin , e 4 cassinos, incluindo o Casino de Monte-Carlo. O Monte-Carlo Société des Bains de Mer é um centro de vida noturna, com uma incrível variedade de bares e salas de concerto. O Grupo, que é um caçador de talentos e forte defensor da criação artística, programa eventos musicais com ousadas escolhas artísticas no Festival de Verão Sporting, no Monte-Carlo Jazz Festival, em La Rascasse ou no Buddha Bar. Sua discoteca Jimmy'z tem sido uma das mais famosas na Europa, há mais de 40 anos.


COYA Collective

Aprimorar cada experiência gastronômica individual é COYA - uma programação de diversos gêneros de expressões artísticas e culturais, estabelecendo o ritmo de um ambiente inconfundivelmente latino-americano.


O COYA Collective é um movimento que define o espírito e as convicções da COYA. Indo contra a tradição, cria uma plataforma multidimensional para os hóspedes não só jantarem, mas sentirem toda a experiência com todos os sentidos. Combinando os elementos da música ao vivo, que abriga uma vitrine de arte envolvente e uma variedade das festividades mais coloridas da cidade, o COYA Collective cria uma experiência cultural altruísta exclusiva COYA.

terça-feira, 22 de maio de 2018

Osasco e a bacana Hamburgueria BRUTTUS

Osasco no Burger Fest: hamburgueria Bruttus celebra inspirada em filme de Tarantino 
Da nova geração de hamburguerias e participando pela 3ª vez do festival, a marca batiza sua criação para o evento com referência em Bastardos Inglórios e acento italiano no sabor, harmonizando na opção com uma cerveja tipo IPA



É uma homenagem ao diretor norteamericano de cinema, Quentin Tarantino, o hamburguer criado pelo chef e beer sommerlier, Jonas Barbosa, da Bruttus Burger, durante o Burger Fest. O evento acontece entre 11 e 27 de maio com hamburguerias paulistanas e da Grande São Paulo oferecendo ao público sugestões elaboradas especialmente para o delicioso projeto. 


A Bruttus apresenta o burger Gorlomi - sobrenome que o ator Brad Pitt adota para passar por cidadão italiano no filme Bastardos Inglórios, um dos mais cultuados de Tarantino. A criação não tem disfarce e sim uma boa composição à italiana. São dois burgers de 100g cobertos com cheddar cremoso, peperoni artesanal, cebola caramelizada e molho especial preparados na casa, dentro de um pão australiano (R$ 32).


Para acompanhar, fritas tipo rústicas com destaque para a rústica com cheddar e bacon, além dos itens da carta de cervejas artesanais, selecionadas periodicamente. Quem quiser harmonizar pode pedir a Imperial Roleta Russa, uma IPA cheia de personalidade.



Criada em 2015, a Bruttus Burger faz parte da nova safra de hamburguerias e oferece tanto a experiência de harmonizar burgers e cervejas artesanais, como degustar as opções do cardápio, valorizando sempre o padrão artesanal em tudo.São dez burgers e cerca de trinta rótulos, além de acompanhamentos e sobremesas, tanto em Osasco como na outra casa, em Alphaville.








bruttusburger.com.br
facebook e instagram: @bruttusburger


sexta-feira, 11 de maio de 2018

Dia das Mães – Pátio SP terá drinque especial e estreia de buffet com mais de 30 opções

Mães que almoçarem no bar acompanhadas pelos filhos ganharão o ingresso da apresentação do grupo Inimigos da HP, que acontece no mesmo dia, no fim da tarde



O Pátio SP, bar localizado na boêmia Vila Madalena, está preparando um superdomingo para receber as mães que gostam de boa comida e animação.
No dia 13 de maio, o bar irá inaugurar o buffet que conta com 11 pratos quentes, 14 saladas, 5 conservas e 4 sobremesas, para comer à vontade por R$ 63 por pessoa.
O prato principal será a Paella de frutos do mar. Quem prefere massa, vai se esbaldar na Lasanha de brócolis ao molho 4 queijos ou no Conchiglione ao molho de tomate. Mas também tem opção com carne e frango: Escalope de filé de mignon ao molho funghi e frango supremo ao molho de manteiga e ervas.
Entre as saladas, Guacamole, Salada de Grão de bico com lascas de bacalhau esalada de berinjela rústica. Para finalizar, sobremesas como Torta de chocolate e Delícia de abacaxi.
Mas as novidades não param por aí. Especialmente para a data foi criado o drinque Red Carpet Passion (tapete vermelho), feito com espumante Passion Baby, frutas vermelhas frescas e água com gás, por R$ 35. “É uma homenagem às mães, como se nesse dia fossem receber o Oscar em Hollywood, que por sinal elas merecem”, conta João Vieira, bartender consultor do bar. “É um drinque suave, refrescante e com teor de álcool baixo”, explica.
Para completar o dia, toda mãe que almoçar no Pátio SP acompanhada pelos filhos no domingo, dia 13, ganhará o ingresso para curtir a apresentação do grupo Inimigos da HP, que animará o bar a partir das 18h. Caso a ideia seja só curtir o samba ao vivo, o ingresso promocional custa R$ 30 mulher e R$ 40 homem e está à venda apenas no sitewww.sympla.com.br. No segundo lote o valor vai para R$ 35 mulher e R$ 45 homem.


Pátio SP
A esquina das ruas Mourato Coelho com a Wisard já virou point na boêmia Vila Madalena. No ponto privilegiado, grandes portas envidraçadas separam a calçada do bar, que remete à descontração de uma praça: o Pátio SP, que completa uma ano em março.
Para Christian Caballero e Victor Gambardella, sócios da casa, o Pátio SP conseguiu conquistar o público que gosta de frequentar um ambiente bonito, que tem jardim vertical, grafite na parede, teto retrátil e mobiliário feito de pallets reciclados; com boa comida e bebida e música ao vivo eclética e de qualidade. “O bar é a cara de São Paulo, que prima pelo atendimento e onde o turista vai conseguir entender um pouco do paulistano”.
No cardápio há o resgate de itens como sanduíche de carne-louca, pavê de chocolate e pudim de leite, que faz lembrar comida de vó e das boas festas de família. Ao mesmo tempo, serve petiscos que não podem faltar na mesa de um bom bar, como croquete de costela, dadinhos de tapioca e espeto de frango com farofa.
Na parte de coquetelaria, a ideia é oferecer bebidas e drinques que passeiam entre os clássicos, autorais e especialidades do Pátio SP. Uma seleção inspirada em pontos turísticos da cidade, como Viaduto do Chá e Pátio do Colégio, por exemplo, e em brasilidades, como a rapadura e a caipirinha fazem sucesso.


Pátio SP Bar
Rua Mourato Coelho, 1.272, Vila Madalena, São Paulo
Tel.: (11) 2386-0908
Instagram: @patiospbar
Horário de funcionamento: terça à sexta das 17h à 1h; sábado e domingo das 12h à 1h.
Cartão de crédito: Visa, Mastercard, Amex
Cartão de débito: Visa, Mastercard e Amex
Tickets eletrônicos: Não
Aceita cheque: Não
Valet: sim – R$ 25
Capacidade: 285 pessoas
Som ambiente: Sim
Música ao vivo: de quarta a domingo
Aceita reserva: Sim
Wi-fi: Sim
Mesas ao ar livre: teto retrátil
Acesso para deficientes: sim
Atividade para crianças: não


Scheilla Lisboa/ Bete Carriço

quarta-feira, 4 de abril de 2018

Divina Panqueca inaugura em São Paulo. Com culinária afetiva e receitas de família, restaurante do Tatuapé traz mais de 20 sabores de panquecas do tipo crepe e americana e opções sem glúten nem lactose

Divina Panqueca inaugura em São Paulo


Com culinária afetiva e receitas de família, restaurante do Tatuapé traz mais de 20 sabores de panquecas do tipo crepe e americana e opções sem glúten nem lactose

Panquecas com receita secreta de família e crocantes batatas do tipo rösti. Essas são algumas das delícias da Divina Panqueca, charmosa casa recém-inaugurada no Tatuapé, em São Paulo. Localizado na movimentada rua Apucarana, coração da zona leste da cidade, o restaurante traz mais de 20 sabores de panquecas, em versões do tipo crepe gratinadas (com molho branco, pomodoro fresco, bolonhesa), recheadas, doces e também a versão americana, em formato de discos em cascata. Há, ainda, opções vegetarianas, sem lactose, low carb(pouco carboidrato) ou sem glúten, com farinhas de linhaça, castanha e amêndoas, para quem está de olho na dieta ou tem restrições alimentares.




Uma das estrelas da casa, Strawberry Cheesecake Pancake: panqueca ao estilo americano, com recheio de cheesecake e calda de morangos. Crédito das fotos: Romulo Fialdini

Culinária afetiva, com receitas passadas de geração para geração. A marca nasce em 2016, de forma despretensiosa como uma renda extra de Rosana Souza, cozinheira de mão cheia. Ela começou a vender em sistema de delivery os pratos preparados em uma pequena cozinha industrial. Com o sucesso imediato de vendas na zona leste de São Paulo, a cozinha e a equipe cresceram para atender a tamanha demanda. Recuperando essas memórias de infância, o empresário Raphael Lolis decidiu se juntar à mãe inaugurando o restaurante Divina Panqueca no Tatuapé, numa acolhedora casa de esquina com mesinhas na calçada. A loja concentra as operações de delivery e restaurante. No décor, muita madeira, sofás de couro e lustres de cobre criam a atmosfera de bistrô. A esposa de Raphael, Elle Griffin, deu um toque de modernidade ao menu de família. Americana, da cidade de Boulder no Estado de Colorado, Elle trouxe versões como a Cheesecake Pancake, panqueca em formato de discos empilhados em cascata. Visualmente irresistível. "A ideia é unir qualidade, modernidade e bons preços, sem abrir mão do cuidado artesanal e dos ingredientes frescos. Aquele gostinho reconfortante de comida caseira, que remete à minha infância nos almoços de família", explica Raphael Lolis, sócio da Divina Panqueca.

A marca registrada da casa são as fartas panquecas salgadas de 500 gramas, uma refeição completa. A massa enrolada é mais substanciosa que o fino crepe tradicional, lembra a densidade do canelone italiano. O molho é produzido diariamente com tomate fresco natural, sem qualquer tipo de conservante. Dentre os destaques estão a versão de Carne (R$ 19,90), Frango com Catupiry (R$ 21,90), Brócolis, Mozarela e Bacon (R$ 27,90), Pernil (R$ 24,90) e até a Mexicana (feita com chilli, pimenta dedo-de-moça, coentro e pimentões amarelos, vermelhos e verdes, R$ 24,90).




Panqueca de farinha de castanhas, com recheio de espinafre com ricota: glúten free e low carb, para quem está de olho na dieta ou tem restrições alimentares.            

A casa aposta ainda nas batatas do tipo rösti, recheadas e crocantes e douradas por fora. De origem suíça, esse tipo de batata é pré-cozida e, posteriormente, ralada em grossas fatias, antes de ser finalizada no forno com fios de azeite e assada até ficar com uma crosta dourada. "Rösti" significa "crocante e dourado". Na Divina Panqueca, a batata pode vir com 14 diferentes tipos de recheio (queijo, palmito, camarão, brócolis, filé mignon etc.). Para finalizar, há sobremesas como panquecas de Nutella com MorangoDoce de Leite com Banana e a Strawberry Cheesecake Pancake (recheio de cheesecake e calda de morangos). Opção ideal para agradar a toda a família, dos pequenos aos adultos, com menu do almoço ao jantar, com direito a uma pausa para um café com panqueca à tarde, numa charmosa mesinha na calçada.


Serviço:
Divina Panqueca
Endereço: Rua Apucarana, 1165 - Tatuapé
São Paulo - SP, CEP 03311-002
Tel. 11 2838-0261
Instagram: @divina_panqueca
Facebook: /divinapanquecasp